Alguns objetos deixados na Lua

Alguns objetos deixados na Lua

Objetos deixados na Lua

Quase todos os instrumentos científicos foram deixados na Lua e alguns estão ativos até hoje, mas os astronautas deixaram para trás material, digamos, menos nobres. Alguns beirando a bizarrice.

Aqui vai uma lista de algumas coisas estranhas, ou pelo menos coisas que ninguém imagina que tenham sido transportadas, e deixadas na Lua…

Foto de família

Alguns objetos deixados na Lua

Milhares de fotos da Lua, dos astronautas, dos instrumentos e dos veículos lunares foram tiradas e trazidas em imensos rolos de filme. Aliás, 12 câmeras ficaram na superfície da Lua, mas ao menos duas retornaram à Terra.

Mas uma foto foi deixada na Lua.

Charles Duke, astronauta da missão Apollo 16 deixou uma foto de sua família embalada em um saquinho plástico. Seu verso está assinado por todos que aparecem na foto com a mensagem: “Essa é a família do astronauta Charles Duke do planeta Terra.Ele pousou na Lua em abril de 1972.” A foto ainda está lá, mas com a grande incidência de raios UV, é certo que ela se descoloriu por completo. Aliás, o mesmo é esperado para as bandeiras deixadas em cada missão.

Bolas de golfe, pena de falcão

Alguns objetos deixados na Lua

Durante a missão Apollo 14, Alan Shepard levou duas bolas de golfe. Após uma caminhada para recolher amostras, ele adaptou um bastão usado para coleta prendendo a ele a ponta de um taco de golfe. Mesmo desajeitado por causa do traje espacial volumoso e das grossas luvas, Shepard deu suas tacadas. Na segunda, a bola viajou “milhas, milhas e milhas” segundo seu relato. Mesmo com a gravidade mais baixa do que na Terra, as bolas não devem ter ido tão longe assim, pois Shepard acertou a superfície da Lua antes do taco chegar à bola.

Já a pena de falcão voou na missão Apollo 15. David Scott levou uma pena do falcão Baggin, mascote da Academia da Força Aérea Norte Americana, academia de onde saíram os três astronautas dessa missão. Nem foi uma homenagem a academia, o intuito foi refazer uma famosa experiência de física.

Um olá da Terra!

Alguns objetos deixados na Lua

O governo norte-americano, em conjunto com 73 personalidades de diferentes países, gravaram mensagens de paz em inúmeros idiomas em um disco do tamanho de uma moeda de 1 real, que foi deixado na Lua após a missão Apollo 11 (1969). O objeto era feito de um material projetado para durar milhares de anos no ambiente lunar.

Um pedaço da Terra

Alguns objetos deixados na Lua

Amostras geológicas retiradas do subsolo e pedaços de rochas foram trazidos da Lua para análise na Terra. Os materiais foram fragmentados e espalhados por laboratórios de todo o planeta e até hoje são usados em análises que, com a melhoria das técnicas de pesquisa, vão rendendo novos e surpreendentes resultados.

Durante os treinamentos, os astronautas partiram em algumas excursões geológicas em diversos pontos do planeta. Alguns foram para a Islândia, Havaí enquanto outros visitaram alguns desertos. O objetivo era promover o reconhecimento de formações interessantes para que amostras relevantes fossem coletas e trazidas.

Numa dessas expedições no estado americano do Óregon, a equipe se deparou com um derramamento de lava muito parecido com o que ocorreu na Lua. A região foi apelidada de “País Lunar” e um fragmento de rocha vulcânica foi levado e posteriormente entregue ao astronauta Jim Irwin. Mais tarde, Irwin carregou o pedacinho da Terra na missão Apollo 15 e a deixou na Lua. Ah, junto com o fragmento, Irwin deixou duas medalhas de prata com as impressões digitais de sua esposa e de seu filho.

 

Você sabia que já foram deixados mais de 70 restos de espaçonave na Lua? São rovers, módulos lunares, foguetes de missões fracassadas, além do que foi descartado para diminuir o peso da nave na volta (os astronautas precisavam trazer rochas lunares para estudo e não podiam decolar com o peso extra).

Fontes : 

  1. https://goo.gl/nzr8sU
  2. https://goo.gl/NfT7K1

 

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada – Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.