Autismo

Neste dia, 18 de junho, comemora-se o Dia do Orgulho Autista, que representa a luta por direitos civis para autistas. O termo orgulho contrapõe a vergonha, que pessoas diferentes, geralmente, sentem por serem como são. Quando utiliza-se a expressão “orgulho autista”, refere-se ao orgulho que o indivíduo autista deve sentir por ser assim, e que não deve procurar moldar-se no que é reconhecido socialmente como “normal”. Pois é mais do que escolha, é obrigação da sociedade, aceitá-los por completo, com todas as suas particularidades.

 

Quantos de vocês, caros leitores, sabem o que é autismo? Sabiam que uma importante figura da física moderna, possivelmente, era autista? Com seus estudos, fomos capazes de encontrar e compreender uma variedade enorme de corpos celestes, e dinâmicas envolvidas no efeito da gravidade sobre o tecido do tempo-espaço. Sim, estamos falando de Albert Einstein. Mas ele não seria o único.

Para o senso comum, uma pessoa autista é vista, na maioria das vezes, como uma pessoa presa a ações repetitivas e alheia à realidade. Mas isso nem sempre ocorre. Um autista, geralmente, apresenta uma hipersensibilidade, em qualquer um dos cinco sentidos, a estímulos que para os não-autistas passariam despercebidos.

Estudos recentes, de 2014, verificaram que pessoas com essa condição detinham um cérebro com um excesso de sinapses já desde cedo, na infância, que seriam responsáveis por sobrecarregar diversos setores do órgão. Eles possuem mais redes neuronais interligando partes do cérebro devido a uma redução de marcadores de autofagia, que seriam responsáveis por reduzir células velhas e danificadas. Com esses resultados, cientistas poderiam comprometer-se na busca por tratamentos e terapias seguras que corrigissem o sistema utilizado pelo cérebro para eliminar essas sinapses excedentes.

Mas, independente de como os estudos em relação ao TEA (Transtorno do Espectro Autista) estejam avançando, e isso é bom, o compromisso de toda a sociedade, sem exceções, é o de acolher, respeitar e auxiliar pessoas autistas para que possam ter uma vida digna e seu valor reconhecido.

 

 

 

Referências:

http://autismo.institutopensi.org.br/noticias/18-de-junho-dia-do-orgulho-autista/

http://www.thehealthsite.com/diseases-conditions/6-historical-geniuses-with-autism/

http://www.cell.com/neuron/abstract/S0896-6273(14)00651-5

http://abcblogs.abc.es/cerebro/public/post/el-cerebro-de-las-personas-con-autismo-tiene-un-exceso-de-sinapsis-16344.asp/

Vídeo: 

Todas as imagens desta página foram utilizadas apenas para ilustrar o post, as mesmas pertencem ao(s) seu(s) legítimo(s) proprietário(s), por direito.

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada – Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.