Hubble captura uma visão ampla da Supernova 1987A

Supernova 1987A

Hubble captura uma visão ampla da Supernova 1987A

Hubble captura uma visão ampla da Supernova 1987A

Esta imagem do telescópio espacial Hubble mostra Supernova 1987A dentro da grande nuvem de Magalhães, uma galáxia vizinha à nossa Via Láctea. As estrelas distantes servem de pano de fundo para o Supernova 1987A, localizado no centro da imagem.
O anel brilhante em torno da região central da estrela explodida é composto de material ejetado pela estrela cerca de 20 mil anos antes do seu desaparecimento.
As nuvens gasosas cercam a supernova. A cor vermelha das nuvens representa o brilho do gás hidrogênio, que está alimentando uma tempestade de nascimento de estrelas.
A Supernova 1987A foi descoberta em 1987, e o Hubble começou a observar a estrela explodida no início dos anos 90. Esta última visão foi tomada pela Wide Field Camera 3 do Hubble em janeiro de 2017.
As cores das estrelas de primeiro plano e de fundo foram adicionadas das observações feitas pela Hubble’s Wide Field Planetary Camera 2. A Supernova 1987A fica a 163 mil anos-luz de distância.
Leia também :
Créditos NASA, ESA, R. Kirshner (Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics and Gordon and Betty Moore Foundation), and M. Mutchler and R. Avila (STScI)

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada – Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.