Iara

A Iara é uma figura do folclore brasileiro de origem indígena. Trata-se de uma linda sereia de cabelos longos e negros de olhos castanhos, o corpo é metade mulher, metade peixe. A Iara também é conhecida como mãe d’agua. A lenda conta que a sereia passa boa parte do seu tempo sentada nas pedras ou areia, admirando sua beleza no reflexo das águas, brincando com os peixes e penteando seus cabelos com um pente de ouro.

Nas pedras das encostas, costuma atrair os homens com o seu canto mágico que ecoa pela floresta e ressoa pelas águas. Os homens acabam sendo atraídos até o fundo do rio, local de onde nunca mais voltam. Aqueles que conseguem escapar acabam ficando loucos, em razão do encantamento que a rainha das águas joga sobre eles. Para se livrar do feitiço, apenas o Pajé, o chefe religioso indígena, pode agir, fazendo um ritual para retirar o feitiço.

Segundo a lenda, em algumas de suas muitas versões, a Iara, quando está fora das margens e da água, transforma-se em uma linda mulher. No entanto, quando nessa forma, perde todos os seus poderes.

Curiosidades:

Iara é uma palavra de origem tupi-guarani, tendo o significado de “aquela que mora na água”. No original, os jesuítas escreveram a palavra como “yara”.

Originalmente, os índios não traziam em sua cultura uma mulher metade gente e metade peixe. Tratava-se apenas de uma mulher que encantava os homens às margens dos rios. Com o desenvolvimento da lenda e a imagem das sereias – que fazem parte da cultura mediterrânea, principalmente entre os gregos – a Iara acabou por se transformar numa sereia, permanecendo nessa nova forma no imaginário popular.

Fonte: http://portalsuaescola.com.br/historia-da-iara/

Todas  as imagens desta página foi utilizada apenas para ilustrar o post , as mesmas pertencem ao seu legítimo proprietário, por direito.

 

 

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada – Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.