Qual é a Origem da Vacina?

Qual é a origem da vacina?

Origem da Vacina

Na Europa no século XVIII havia uma quantidade de doenças incontroláveis que derivavam da falta de higiene da população e da absoluta ausência de saneamento básico, sendo a pior delas a varíola.

Apenas para se compreender o impacto que esta doença causava, no início desse século eram poucas as pessoas que conseguiam ultrapassar a juventude sem contrair varíola e a taxa de mortalidade situava-se entre os 10 e 40%, o que fazia dela a doença transmissível mais temida no mundo.

Descoberta

Nessa época, Lady Mary Montagu, que era a mulher do embaixador inglês em Istambul, reparou que a varíola podia ser evitada através da introdução na pele de indivíduos sãos o líquido extraído de uma crosta de varíola de um indivíduo infectado. Isto provocava a doença mas de forma muito menos agressiva para o organismo.

Pensa-se que este método, conhecido por “variolação”, terá tido origem na China. O método foi trazido para a Europa Ocidental e, apesar de ter provocado vários casos de morte por varíola, foi ainda largamente utilizado em Inglaterra e nos EUA até virem a público as investigações do médico inglês Edward Jenner, publicadas em 1796, que se podem considerar como as bases científicas da vacinação.

Em resultado da conclusão desta experiência, o vírus causador da “cowpox” passou a substituir o vírus da varíola na técnica de variolação, com a enorme vantagem de causar uma mortalidade muito inferior à deste último.

Sabe-se atualmente que essa menor mortalidade deriva da inferior infecciosidade do “cowpox”  e também pelo fato da sua introdução no corpo humano ser feita através de uma via diferente da natural – a pele, em vez da inalação – o que permitia ao sistema imunitário ter mais tempo para desenvolver defesas eficazes antes do vírus se multiplicar.

Vacinação

Este processo difundiu-se por toda a Europa, tendo sido utilizado por outros médicos na inoculação dos seus pacientes. O método mantinha-se igual ao inicial, com as inoculações do vírus a serem feitas diretamente através da pele utilizando fragmentos de pústulas de “cowpox”.

Só no limiar do século XIX é que o processo começa a tomar maiores proporções  com a cultura do vírus – designada por “vaccinia” – na pele de bezerros, que eram posteriormente usadas para várias inoculações. Esta técnica, que ficou conhecida por vacinação (de “vaccinia”), iniciou-se nos Estados Unidos em 1800 e, em 1805, Napoleão Bonaparte ordenou a vacinação de todos os soldados franceses.

Cerca de 170 anos mais tarde, o vírus da varíola seria erradicado do planeta, um dos maiores feitos  da medicina preventiva.

Curiosidade

Atualmente existem mais de 50 vacinas em todo o mundo. As várias campanhas de vacinação lançadas em diversas zonas do mundo permitiram a proteção contra doenças infecciosas que, em tempos, mataram milhões de pessoas.

Para saber mais assista o vídeo do Canal Nerdologia

Fonte :

Veja também :

Origem do Cachorro-Quente

O Horário de Verão Realmente Funciona?

Por que não sentimos a Terra girar?

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada – Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.