Rover da Nasa irá fabricar oxigênio em Marte

Oxigênio

Marte nossa segunda casa?

Se queremos  morar em Marte algum dia, então, em algum momento, precisaremos de oxigênio. Já há muita água lá, e até alguma neve, mas sem essa molécula vital, estaremos com um grande problema.

Falando do Futuro sobre a esperançosa corrida da América para o Planeta Vermelho, o Administrador Chefe em exercício da NASA, Robert Lightfoot, Jr. destacou uma maneira possível de obter oxigênio em Marte: através da próxima viagem que irá para lá.

O rover não irá levar recipientes do gás com ele, é claro – ele fabricará o próprio composto quando ele chegar.

“O próximo Rover que está indo para Marte, Mars Rover 2020, tem um experimento onde vamos tentar e realmente gerar oxigênio fora da atmosfera em Marte”, explica Lightfoot, Jr..

Então, como exatamente essa experiência funcionaria?

Agora, a atmosfera em Marte é muito diferente da da Terra. Nosso pálido ponto azul é predominantemente composto de nitrogênio, mas um bom 21% de oxigênio.

Nosso vizinho celestial vermelho é composto de dióxido de carbono (95%), com um pouco de nitrogênio (3 %) .

A atmosfera de Marte também é incrivelmente fina. Milhões de anos atrás, a atmosfera marciana era muito mais densa e até continha quantidades de oxigênio parecidas com a Terra.

No entanto, seu campo magnético falhou, e o poderoso vento solar despojou a maioria dos gases e os impulsionou para o espaço. Hoje, apenas vestígios de oxigênio permanecem na atmosfera superior.

Uma maneira viável de aumentar os níveis de oxigênio em Marte seria tomar alguma inspiração da natureza. A fotossíntese transforma ativamente o dióxido de carbono em oxigênio o tempo todo, então, se algo parecido com esse processo pode ser comprimido em uma pequena caixa, ele pode ser anexado a um rover.

Marte
Mars 2020 Rover concept art. NASA

Um método em que isso é possível seria usar um laser poderoso para “cortar” o átomo de carbono adicional ligado ao CO2 na atmosfera marciana para produzir o  O2. Alternativamente, você poderia usar uma célula de combustível para separar os átomos de carbono e oxigênio uns dos outros em um processo conhecido como eletrólise.

Se for bem sucedido, a NASA planeja colocar um instrumento semelhante a MOXIE, mas cerca de 100 vezes maior, em Marte que produzisse oxigênio para futuros astronautas usarem quando chegarem. Como um gás, é respirável; Como um líquido, é combustível de foguete literal.

Apesar de terraformar Marte, este é um passo emocionante para tornar a quarta pedra do Sol muito mais habitável.”

Fonte:

https://goo.gl/aACoLc

Referências:

Futurism

https://mars.nasa.gov/mars2020/mission/rover/

Space.com

MortherBoard

https://mars.nasa.gov/mars2020/mission/instruments/moxie/

Leia também :

A superfície de Marte é ainda mais mortal do que pensávamos

Davson Filipe é Técnico em Eletrônica, WebDesigner e Editor do Realidade Simulada - Blog que ele próprio criou com propósito de divulgar ciência para o mundo. Fascinado pelas maravilhas do universo, sonha em um dia conhecer a Nasa.